21/09/2017

Novidade TopSeller | A Lógica Inexplicável da Minha Vida | Benjamin Alire Sáenz

​Num turbilhão de sentimentos, do luto ao amor, da amizade à solidão, Sal passa a questionar sua própria origem e identidade, tentando encontrar alguma lógica para a sua vida - uma tarefa que parece quase impossível.

Do multi-premiado escritor Benjamin Alire Sáenz, vencedor do PEN/Faulkner para ficção.

O que é afinal uma vida normal?
O início de vida de Sal foi tudo menos vulgar. A sua mãe, no dia em que soube estar grávida, abandonou o namorado, um tipo violento, e foi viver com o seu melhor amigo, Vicente. Três anos depois, a mãe de Sal faleceu de cancro. Mas, antes, casou com Vicente para que este pudesse adotar o bebé e dar-lhe uma vida melhor.

A admirável capacidade de questionarmos a vida.
Aos 17 anos, apesar de ter o melhor pai adotivo que se possa imaginar, Sal vive com muitas perguntas sobre o seu passado e a sua identidade. E no momento em que tem de tomar decisões importantes sobre o seu futuro, como a ida para a Universidade, a pressão leva-o a reagir a tudo com violência.

Um livro em que a ternura irradia das páginas.
No entanto, Sal não está sozinho, tem dois grandes amigos, Samantha e Fito, que também têm histórias familiares invulgares. Juntos, os três amigos vão à procura das respostas de que precisam, percebendo, pelo caminho, o valor da amizade, a importância dos laços familiares e como todos somos perfeitamente imperfeitos.

Uma história envolvente, que promove valores como a aceitação, a amizade e a busca por uma identidade.
Benjamin Alire Sáenz é um aclamado poeta e um escritor multi-premiado.
Os seus livros já lhe valeram o American Book Award, o PEN/Faulkner Award, o Stonewell Award, o Pura Belpre Award, o Lambda Literary Award, o livro de honra do Michel L. Print Award, entre muitas outras distinções.
Nasceu em 1954, no Novo México, Estados Unidos. Foi professor de escrita criativa na Universidade do Texas, mas hoje dedica-se inteiramente à escrita.​

A Lógica Inexplicável da Minha Vida é uma edição Topseller e as primeiras páginas podem ser lidas aqui.

Cover Reveal | Being Alpha | Aileen Erin


Being Alpha 
by Aileen Erin 
(Alpha Girl #7) 
Published by: Ink Monster LLC
Publication date: February 13th 2018
Genres: Paranormal, Young Adult

For the first time since Tessa met Dastien, life is quiet. The evil witch, Luciana, is six glorious feet under, St. Ailbe’s is closed due to human trespassers, and people are finally getting used to the fact that supernaturals exist in the world. It seems like the perfect time for a honeymoon.
Tessa and Dastien’s trip to the Caribbean is turning out to be the honeymoon that fantasies are made of—sunset cruises, long walks on the beach, and every romantic cliché you can imagine. She couldn’t be happier. So, when a local man turns up inexplicably dead on the beach, Tessa brushes it off. Not every bad thing that happens in the world is a supernatural mystery to be solved. And when Sebastian—one of the Council of Seven Alphas who rule all the werewolves—appears on the island, she thinks it must be a coincidence. Everyone needs a break now and then. Even council members. Right? Besides, Tessa is beyond determined to not let anything get in the way of her romantic vacation.
But when Dastien goes missing, the honeymoon is most definitely over. Tessa can’t ignore the signs anymore. Something huge is going on. And whoever messed with Tessa’s mate is in for a rude awakening. Because if there’s one thing fighting rogue witches and werewolves has taught her, it’s how to be Alpha.


Purchase

Aileen Erin is half-Irish, half-Mexican, and 100% nerd–from Star Wars (prequels don’t count) to Star Trek (TNG FTW), she reads Quenya and some Sindarin, and has a severe fascination with the supernatural. Aileen has a BS in Radio-TV-Film from the University of Texas at Austin, and an MFA in Writing Popular Fiction from Seton Hill University. She lives with her husband in Los Angeles, and spends her days doing her favorite things: reading books, creating worlds, and kicking ass.

Author links

Opinião | O Predador da Noite | Chris Carter

Ele espia. Ele aguarda. Ele mata.
Ninguém está em segurança...
Um corpo não identificado, do sexo feminino, é trazido para a morgue. A causa da morte está longe de ser clara. O corpo não tem outras marcas, exceto o pormenor macabro de a boca e as partes íntimas terem sido costuradas. A autópsia revela, no entanto, outra descoberta chocante: o assassino deixou algo dentro do corpo da vítima! Algo tão aterrador que o detetive Robert Hunter, da Unidade Especial de Homicídios da Polícia de Los Angeles, é de imediato chamado para tomar conta do caso.
A investigação de Hunter acaba por se cruzar com a da sua colega Whitney Meyers, e torna-se claro para ambos que o criminoso é um impiedoso e perfecionista serial killer de mulheres, obcecado com os segredos do passado.
Depois de ter lido “O Assassino do Crucifixo”, fiquei fã de Chris Carter. A genialidade com que consegue trazer ao de cima as vertentes mais macabras e sombrias dos assassinos faz as delícia de qualquer fã de thrillers e este não é excepção!
Depois de ter sido encontrado um corpo completamente mutilado e costurado, os detetives Robert Hunter e Carlos Garcia são chamados para tratarem do caso. Como se não bastasse toda agonia e sofrimento que a mulher, agora encontrada morta, tivesse passado; o assassino teve ainda a capacidade de a apetrechar com algo muito mais violento e doentio. 
O mesmo acontece quando uma nova mulher é encontrada nas mesmas circunstâncias e com um nova objecto dentro do seu corpo. Apesar de ambos o detectives concordarem que existe algum tipo de padrão e mensagem que o assassino quer transmitir, estes ainda não conseguirem desvendar o verdadeiro significado da mensagem.
À medida que são descobertas novas pistas, o caso parece ganhar forma e significado. Mas, apesar dos avanços, o assassino está sempre alguns passos à frente de Hunter e Garcia. Por isso, ambos terão de “correr” contra o tempo e tentar apanhar o culpados por estes assassinatos macabros antes que aconteça mais algum coisa!
Mas enquanto ambos os detectives tentam desvendar este caso e o assassino procura novas formas de os espicaçar, o autor soube deixar-me à beira de um ataque de nervos! Porque, quando se esperava que já se tivesse apanhado o assassino, havia algo que não batia certo e pronto! Lá vinha algo mais para detestar mais um pouco este culpado que não olhava a meios para atingir os fins!
Como já disse anteriormente, desde o primeiro livro que li deste autor que me tornei fã! E este volume não foi exceção! Um excelente thriller que me colou às suas páginas desde o primeiro capítulo!
(Este livro foi gentilmente cedido pela Topseller em troca de uma opinião sincera).

20/09/2017

Novidade TopSeller | Leonor de Aquitânia. O Trono do Outono | Elizabeth Chadwick

"Elizabeth Chadwick é uma romancista exímia. Altamente recomendado!"
Historical Novel Society

LEONOR DE AQUITÂNIA
Uma das mulheres mais poderosas da História

Estamos em Inglaterra, no ano 1176, e Leonor de Aquitânia foi aprisionada pelo marido, o Rei Henrique II, por recusar submeter-se às suas ordens. Desesperada com os esforços do rei por mantê-la longe dos filhos, Leonor não tem outro remédio senão aguardar.
Com a morte do rei, tudo muda. Leonor torna-se rainha-mãe e ganha finalmente liberdade para tentar reparar todos os danos que Henrique causou. Os seus filhos veêm-se envolvidos numa perigosa rivalidade acicatada pelo pai, enquanto as suas filhas foram afastadas das posições de poder que lhes cabiam.
Leonor vai precisar de toda a sua coragem e força para os poder proteger de si mesmos. Para tal, terá de viajar continuamente por uma Europa medieval em guerra, e até mesmo cruzar os Alpes durante o inverno. Conseguirá Leonor manter a paz entre os filhos? E estará ela à altura de todas as provas que o destino lhe reserva?
Autora bestseller do New York Times, Elizabeth Chadwick conta com mais de 20 romances históricos publicados em diversas línguas. Os seus livros foram contemplados com inúmeros prémios, entre os quais o de Melhor Romance Histórico, pela Romantic Novelists Association, e o Betty Trask Award.
Apaixonada pela Idade Média e pelo dia a dia desta época, Elizabeth é hoje uma das mais importantes romancistas históricas da Grã-Bretanha e foi considerada pela Historical Novel Society como «a melhor escritora de ficção medieval» da atualidade.
O Trono do Outono é o terceiro volume de uma série centrada na figura história de Leonor de Aquitânia, uma das mais ricas e poderosas mulheres da Idade Média e mãe do Rei Ricardo Coração de Leão.

Leonor de Aquitânia. O Trono do Outono é uma edição Topseller e as primeiras páginas podem ser lidas aqui.​

Novidade TopSeller | A Separação | Dinah Jefferies

Depois da publicação de A Mulher do Plantador de Chá, Dinah Jefferies, um dos nomes mais consagrados da literatura de época, apresenta-nos uma história apaixonante de uma família destruída por mentiras, em que o amor de uma mãe consegue suplantar a distância e o tempo.
O que acontece quando mãe e filhas são separadas?
Malásia, 1955. Lydia Cartwright regressa a casa, onde apenas o vazio a espera. Os criados, o marido e, o pior de tudo, as filhas foram-se embora sem deixar rasto. Desesperada e sem rumo, ela contacta o patrão do marido à procura de pistas. Eles estão bem, diz-lhe. Estão noutra região do país. Mas algo não bate certo. Porque é que não esperaram por ela? Porque é que não lhe deixaram uma carta a explicar a mudança?
Seguindo a sua única pista, Lydia embarca numa perigosa viagem por um país em guerra. E é então que, enquanto atravessa a selva minada de grupos de guerrilheiros, se vê forçada a pedir ajuda a Jack Harding, o homem que amou no passado e que abandonou.
Com o coração de mãe apertado, Lydia sabe que terá de sacrificar tudo para reencontrar as filhas. Mas será que está preparada para a terrível traição que a aguarda e para as consequências devastadoras?
O relato comovente de uma família dividida pela mentira, e de como o amor de uma mãe ultrapassa a barreira do tempo e atravessa continentes.

Dinah Jefferies nasceu na Malásia e mudou-se para Inglaterra com 9 anos. Estudou na Birmingham School of Art e, mais tarde, na Ulster University, onde se formou em Literatura Inglesa.
Autora bestseller do Sunday Times, colabora com alguns jornais, entre eles o The Guardian. Depois de ter vivido em Itália e Espanha, regressou a Inglaterra, onde vive com o marido e o seu cão, e passa os dias a escrever e a desfrutar dos tempos livres com os netos.
O seu livro anterior, A Mulher do Plantador de Chá, foi bestseller do Sunday Times e seleccionado para o Richard and Judy Bookclub, e está publicado na Topseller.

A Separação é uma edição Topseller e as primeiras páginas podem ser lidas aqui.